A prefeitura de Rio Bonito iniciou a reforma e urbanização das suas duas principais áreas de lazer da cidade. A Praça do Green Valley e o Parque Ecológico Municipal Verde Vale, criados para atender a antigas reivindicações da comunidade, estão em obras. Essa semana está sendo realizado o desassoreamento das lagoas que fazem parte das belezas naturais do local. Nessa terça-feira (12), o prefeito José Luiz Mandiocão e o secretário de Desenvolvimento Urbano, Ronem Antunes, estiveram  acompanhando as obras e anunciaram a realização de novas obras no parque.

“Nesse momento, estamos fazendo uma  grande limpeza, principalmente nas duas lagoas que ficam aqui no local que estavam bastante assoreadas. Retiramos muita terra e lixo que estavam acumulados. Numa outra etapa, estamos programando algumas mudanças que iremos fazer aqui no parque para torna-lo ainda mais atrativo e agradável para os frequentadores. Agora somente focamos na limpeza e troca dos bancos quebrados, mas posso adiantar que boas novidades estão vindo por ai”, garante o secretário Ronem Antunes.

Além da retirada dos dejetos, a equipe da secretaria de Obras fez o nivelamento das encostas para propiciar o crescimento de vegetação e evitar erosões. Para o prefeito José Luiz Mandiocão, o trabalho de desassoreamento é importante, pois tira materiais contaminantes que prejudicam a qualidade da água do fundo da lagoa e evita enchentes pela água ter mais escoamento e fluidez.

“Toda água das chuvas que desce da Serra do Sambe converge para as lagos do parque, e no caminho traz consigo muito lixo e terra. A situação se agravou pois esse local ficou praticamente abandonado por muito tempo. Agora é necessário desassorear o local com uma periodicidade cada vez maior”, afirma o prefeito.

Parque Ecológico – O Parque Municipal Verde Valle é um dos quatro criados na Serra do Sambê, através de decreto 279/08, construído numa área de 127 mil e oitenta e oito metros quadrados.  O parque foi criado com objetivo de contribuir para a proteção da flora, da fauna e dos demais recursos ambientais da serra, além de áreas para a prática de caminhadas, entre outras modalidades esportivas, de forma a proporcionar aos habitantes lazer e condições para uma boa qualidade de vida.

Texto: Denílson Santos
Fotos: Galileu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *