O prefeito José Luiz Mandiocão participou de várias atividades alusivas as comemorações do Dia Internacional da Mulher, comemorado nessa quinta-feira, 8 de março. Quem compareceu a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e nas unidades da Estratégia de Saúde da Família do Boqueirão, Serra do Sambê, Viçosa, Rio Vermelho, Praça Cruzeiro, Rio do Ouro, Parque Indiano e Nova Cidade participaram de um café da manhã preparado pelos profissionais da saúde. No USFs do Basílio as mulheres também tiveram um dia de beleza, onde puderam cuidar dos cabelos  e fazer as unhas.

A secretaria de Promoção Social também programou algumas atividades para comemorar a data. Os Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) do Basílio e do Cento promoveram  Roda de  conversa abordando o tema “Empoderamento Feminino” e palestra sobre “A verdadeira origem do Dia da Mulher”, além de oferecer oficinas de manicure e estética. O Dia da Mulher foi criado para celebrar as conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres ao longo dos anos, sendo adotado pela Organização das Nações Unidas (ONU).

A data também serviu como conscientização sobre os riscos de doenças que a cada ano acometem mais mulheres, como o Câncer de Mama e do Colo de Útero. O prefeito José Luiz Mandiocão lembrou que o município vem fazendo vários investimentos na prevenção dessas doenças e que mantém programas de saúde que funcionam no Ambulatório Loyola para auxiliar nesse trabalho, como os programas de DST/AIDS, Hanseníase, Tuberculose, Saúde da Mulher, Criança e Adolescente, Tabagismo, Idoso, Rede Cegonha, Imunização, preventivo e do Leite, além do Programa de Planejamento Familiar. Esse, segundo ele,  é um conjunto de ações que auxiliam as mulheres a planejar a chegada dos filhos, e também a prevenir gravidez indesejada.

Prevenção é o melhor caminho – A prevenção é o melhor remédio para evitar o câncer. Segundo levantamento do Ministério da Saúde, o câncer de mama é o segundo tipo mais frequente de câncer no mundo, e o mais comum entre as mulheres. Ele é seguido pelo câncer de colo de útero, o segundo que mais aparece na população feminina, e que constitui a quarta causa de morte de mulheres por câncer no Brasil.

Texto: Denilson Santos

Fotos: Galileu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *