A implantação do estacionamento rotativo foi o principal assunto da reunião entre comerciantes, lojistas, representantes da administração municipal e da empresa Multparking, na CDL de Rio Bonito nesta terça-feira (29).  Os integrantes da Câmara de Dirigentes Lojistas ratificaram o posicionamento favorável ao Sistema de Estacionamento Rotativo, mas apresentaram algumas adaptações e mudanças consideradas necessárias para melhorar a utilização das vagas no Centro da cidade. Isto inclui dez minutos de tolerância, reforço na sinalização e fiscalização nas vagas em farmácias, além de melhores condições e aumento do horário para carga e descarga. A reunião contou com a participação dos secretários municipais Luciana Magalhães (Desenvolvimento Urbano) e Renato Poubel (Fazenda).

O Diretor da empresa Multparking, Marcos Figueiredo, afirmou que desde o início do mês de maio, os monitores da empresa vêm fazendo uma campanha de esclarecimento junto à população, tirando dúvidas sobre o funcionamento do estacionamento rotativo. Uma desses questionamentos foi em relação a destinação de vagas para idosos e portadores de deficiência, que será de 5% e 2%, respectivamente.

Ele explicou que moradores que residirem em casas ou prédios que não possuam garagem têm direito a estacionar gratuitamente na rua que mora. Nesta semana acontece a pintura da sinalização vertical e horizontal dos locais do estacionamento, que possui 500 vagas. A fiscalização ficará por conta da Guarda Municipal. Os locais designados para funcionamento do rotativo estarão identificados por placas.

Parceria com o comércio – No final da reunião, após ouvir as dúvidas e reivindicações de comerciantes e lojistas, Marcos Figueiredo afirmou que, embora tenha que cumprir tudo que está estipulado no edital da licitação, ele pretende construir uma parceria diária para aperfeiçoar ainda mais o serviço. Ele afirmou que o ordenamento das vagas de estacionamento vai melhorar o acesso dos moradores ao comercio e aos serviços disponíveis no Centro da cidade.

 “Estamos em um período de adaptação. É normal que surjam problemas. Por isso reunimos os comerciantes, lojistas e representantes da administração municipal para tirar dúvidas, dar sugestões e procurar soluções conjuntas. O estacionamento rotativo é uma realidade e, acima de tudo, uma necessidade para melhorar a mobilidade urbana e a qualidade de vida dos moradores da cidade. Por isso que essa relação não pode vir pronta, ela tem e deve ser construída diariamente”, garante o diretor da Multparking.

No final do evento, os comerciantes e lojistas participaram de um coquetel oferecido pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e pela empresa Multparking.

Reportagem: Denilson Santos

Fotos: Galileu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *