A campanha “Outubro Rosa” continua mobilizando os moradores de Rio Bonito em prol do combate ao câncer de mama. Na manhã desta terça-feira (16), as atividades foram concentradas nas Estratégias de Saúde da Família (ESF) de Catimbau, Cajueiros, Bela Vista, Jacuba e na Escola Municipal Governador Roberto Silveira, na Vertente, que contou com a presença do prefeito José Luiz Mandiocão e da secretária de Saúde, Dailane Magalhães. Além de receber orientações sobre prevenção contra o câncer de mama, as moradoras locais puderam solicitar exames de mamografia, exames laboratoriais (sangue, fezes e urina) e agendamento e coleta de exame preventivo.

No Esf do Catimbau teve palestra sobre prevenção do câncer de mama, do câncer de boca, além de orientações sobre higiene e cuidados com alimentação, ministradas por Beatriz Medina (médica), Rafaela Lima (enfermeira), além de dentistas que fazem parte da equipe que atua na unidade de saúde. O evento também contou com o depoimento da moradora Alvarina Teixeira Dutra, que teve câncer, que falou sobre o tratamento, que já dura 12 anos, e a importância do apoio de familiares e amigos na sua recuperação.

“As pessoas devem ficar atentas ao aparecimento de qualquer caroço, principalmente na mama. Por menor que seja, procure um médico e faça os exames necessários. Durante esse período que estou fazendo o tratamento, aprendi a valorizar muito mais a minha vida. Posso dizer que sou uma mulher vencedora”, afirmou Alvarina, que também fez um alerta sobre o aumento de casos de câncer de pele e câncer de boca.

As ações alusivas a campanha Outubro Rosa também levaram muitos moradores a Escola Roberto Silveira, localizada na Zona Rural, que contou com a presença dos profissionais do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). Foram feitos atendimentos fonoaudiólogos (15), atendimentos psicológicos (15) e nutricional (15), além de consulta médica (30), consulta de enfermagem (50) e coleta de  preventivo (30). As crianças também tiveram atendimento odontológico e participaram de atividades recreativas e de teatro de fantoches.

A secretária de Saúde, Dailane Magalhães, explicou que todos os anos  campanha Outubro Rosa busca conscientizar as pessoas sobre a importância da prevenção e do tratamento correto do câncer de mama, mas os números mostram que é preciso estar atento à doença durante o ano todo. Um levantamento realizado pelo Instituto Nacional do Câncer (INCA) revela no Brasil aparecerá cerca de 60 mil novos casos da doença em 2019.

 “O diagnóstico precoce é fundamental, já que as chances de cura da doença podem chegar a 95% quando o tumor é descoberto no início. Precisamos fazer o autoexame e ver se tem algo diferente. Procure um profissional de saúde, que vai te orientar na marcação do exame”, garante Dailane.

Sinais para ficar atenta  A mamografia é indicada a todas as mulheres a partir dos 40 anos e deve ser feita anualmente. Já aquelas com histórico familiar da doença devem ter um acompanhamento individualizado antes mesmo dessa idade.  O sintoma mais comum de câncer de mama é o aparecimento de nódulo, geralmente indolor, duro e irregular na região das mamas ou axilas. Além disso, podem ocorrer inchaços, alterações da cor da pele, aumento do volume súbito e lesões mais avançadas. Ao notar qualquer desses sinais, é importante que a mulher procure assistência médica.

“Temos que diminuir cada vez mais essa estatística que é muito cruel e que cada dia está avançando mais, não apenas entre as mulheres, mas também entre os homens de todas as idades”, afirmou o prefeito José Luiz Alves Antunes.

Texto: Denilson Santos
Fotos: Galileu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *